Publicado por: marianammachado | setembro 6, 2009

Ilhas da Aventura!

Dia 22/04, quarta-feira. Esse foi o dia de ir no Islands of Adventure . Na verdade, escolher em qual parque iríamos foi uma questão um tanto complicada. Gostaríamos de ir nos dois parques da Unviversal, o Universal Studios e o Islands of Adventures, mas infelizmente não havia tempo para isso. Começamos a vislumbrar as possibilidades. A primeira idéia foi tentar ir aos dois parques no mesmo dia, mas essa idéia foi logo descartada pois o dia ficaria muito corrido para as crianças (e pra gente também). Então havíamos pensado em ir a Epcot em apenas um dia e no dia da chegada, ir a um dos parques da Universal e na quarta ir a outro. No entanto os parques da Universal fechavam cedo nesse dia e quando chegamos em Orlando estávamos bem atrasados em relação ao nosso planejamento (havíamos planejado chegar às 14h e acabamos só chegando às 16h, enquanto os parques fechavam às 18h… não valia à pena mesmo…). Acabamos ficando com apenas um dia pros dois parques! :o(

E pra escolher em qual iríamos? Nossa que difícil! O Universal tinha mais variedade para os pequenos, mas ao mesmo tempo meu irmão poderia voltar ao Universal num outro dia….  Acabamos optando pelo Islands por dois motivos: meu irmão e minha cunhada não conheciam esse parque (e todos, menos as crianças, já haviam ido à Universal) e o Pedro queria muito ir nos brinquedos dos super-heróis. Islands of Adventures it is.

Pedro e Capitão América

Pedro e Capitão América

Tomamos café no hotel e fomos direto para o parque. Demoramos um pouco para chegar porque o parque fica um pouco mais longe do complexo Disney. Mas chegamos e começamos a nos divertir!

Uma coisa importante em relação aos parques da universal é que eles oferecem um  esquema semelhante ao Fastpass da Disney, o Universal Express. No entanto na universal esse serviço é pago. Eu particularmente acho que só vale à pena em época de parques MUITO cheios. A gente pegou pouquíssimas filas por lá.

As atrações desse parque são bem legais. Começamos pela parte do parque que eles chamam de “Marvel Super Hero Island” que é onde o tema são os super heróis da Marvel.

ps.: me pergunto: Agora que a Disney comprou os direitos dos super-heróis da Marvel, como vai ficar a situação do parque? Será que a Universal vai ter que mudar os brinquedos ou vai ficar tudo na camaradagem?

Começamos pelo “Storm Force Accelatron” que é o brinquedo da tempestade e que você a está ajudando a gerar energia para lutar contra o Magneto. Mas na realidade são as nossas famosas xícaras. Confesso que mesmo com toda a modernidade esses brinquedos de antigamente têm seu charme e são muito divertidos. A gente riu muito o tempo todo!

Mãe se divertindo muito com a xícara!

Mãe se divertindo muito com a xícara!

PRa provar que brinquedo antigo ainda é bom!

PRa provar que brinquedo antigo ainda é bom!

Quando saímos desse ride, fomos para a Incredible Hulk Coaster. Pra mim, uma das melhores montanhas-russas da viagem. É tão legal. Você entra no carrinho e não tem subida lenta e descida rápida. Há um sistema de propulsão logo na subida que te ‘cospe’ pra cima numa velocidade incrível – segundo o site são 67 miles, ou 107 km a uma altura de 150 feets. E depois é só looping gostosinho. Acho que fomos duas vezes. :o)

Montanha russa do Hulk - é dentro daquele tubo que o carrinho pega velocidade.

Montanha russa do Hulk - é dentro daquele tubo que o carrinho pega velocidade.

Quando saímos desse ride, os super-heróis estavam fazendo uma apresentação na rua e nós paramos para tirar fotos e pegar autógrafos. Seguimos então para um dos meus rides favoritos o “The amazing adventures of Spiderman“. Esse é muito bom mesmo. Um brinquedo de carrinho com simulador 3D. Você está viajando pelo alto dos prédios como o Homem-aranha para combater o crime. A altura mínima é de 40″, então o Zezinho já pôde entrar. E ele curtiu muito. Para os fãs do quadrinho é tudo muito legal também, a ambientação da fila é a redação em que Peter Parker trabalha.

A gente descobriu que na Universal se você tem crianças pequenas e grandes você pode fazer um revezamento sem enfrentar a fila. Quer dizer, eu entro com o mais velho, por exemplo, e meu irmão fica com o mais novo do lado de fora. Eu enfrento a fila e vou no brinquedo, mas quando eu sair, meu irmão me encontra na saída e vai ao brinquedo sem precisar ir na fila de novo. É interessante, mas a gente não conseguiu usar muito bem, pq não tínhamos muita noção do tempo das filas e tal, então meu irmão acabou ficando me esperando um tempão sem fazer nada… não valeu à pena…

Depois o Pedro e a minha irmã partiram para o Doctor Doom’s fearfall que é um elevador. Eu não fui pq não gosto de quedas. Mas o Pedrão se amarrou… ah, essas pessoas corajosas.

Essa parte do parque não foi muito legal pros pequenos, mas fizemos tudo rapidinho e eles curtiram muito os super-heróis. Tudo é farra.

Sim, esse é o Wolverine

Sim, esse é o Wolverine

Depois seguimos para a parte do parque conhecida com Toon Lagoon. Fomos aproveitar o sol, pq alguns brinquedos tinham água, e tal. Mas nós não estávamos NEM UM POUCO preparados pra enorme quantidade de água. é muita água, são muitos brinquedos com água… um enxarcado só. E o mais engraçado é que parece que a maioria das pessoas não está preparada pra isso pq tem muitas lojinhas por lá vendendo roupas e chinelos pros molhados de plantão. Mas se molhar quando está quentinho é ótimo, né?!

Começamos pelo Popeye & Bluto’s Bilge-Rat Barges que estava sem fila alguma. é uma balsa que desce o rio de corredeiras e molha muito. Algumas pessoas saem completamente secas, outras completamente enxarcadas depende da sua “sorte“. Eu saí mais ou menos, fiquei protegendo minha blusa branca e não curti tanto. Aí quando saí, tirei a blusa, coloquei um casaco e fomos lá de novo!é muito engraçado, pq ninguém espera TANTA água assim…

Depois da Balsa, todo mundo molhado...

Depois da Balsa, todo mundo molhado...

A criançada adora, mas os dois pequenos não puderam ir. Eles ficaram brincando e atirando na gente com pistolas d’água a partir do Me Ship, The Olive, uma navio do popeye que é um parquinho de três andares. Sequinho e divertido.

ps.: os meninos não podem ir sem camisa no brinquedo, nem sem sapato. Tem que estar completinho pra brincar… no parque pode tirar tudo, mas não no brinquedo. E na balsa tem um lugarzinho pra colocar os pertences.

Crianças pequenas se divertindo no Barco da Olivia

Crianças pequenas se divertindo no Barco da Olivia

Depois, enquanto meus pais davam comida pras crianças, nos seguimos com o Pedro para o Dudley Do-Right’s Ripsaw Falls. Que é uma splashmountain bem legalzinha. As filas desse ride costuma ser beeeem grandes. Dessa vez, com o parque vazio pegamos 45 minutos, mas lembro que da outra vez que eu estive por lá, não fomos nesse pq a fila era de duas horas!

Depois almoçamos na lanchonete de lá… macarrão, pizza, hambúrgueres, fast-food na veia. Aproveitamos o banheiro e o secador de mãos para secar um pouco as nossas roupas… minha blusa estava completamente seca, então eu só precisei me preocupar com a saia mesmo… e as meias e tênis foram brasileiramente estendidas no solzinho, na parte de fora do restaurante onde estávamos. Eu fiquei muito irritada nessa hora pq fiquei um tempão na fila pra comprar meu lanche e derrubei a coca-cola em cima de TUDO. Ódio! Ok, canta um mantra e vamos lá.

De barriguinha cheia, partimos para o Jurassic Park!

Jurassic Park!

Jurassic Park!

Nós não fomos no Jurassic Park River Adventure pois além de ter fila, molhava de novo e a gente já tava tão sequinho…  As crianças foram Pteranodon Flyers que é uma tração pros pequenos, ou seja, adulto só entra se for acompanhando as crianças. É um carrinho que fica pendurado num trilho e faz um passeio ‘sobrevoando’ o parque. Fofo demais.

Acho que o Zé Henrique tava meio assustado.

Acho que o Zé Henrique tava meio assustado.

Na parte do Lost Continent, tem dois shows para assistir, mas eles iam demorar para começar e o dia era curto. Então não esperamos não, fomos apenas na montanha russa Dueling Dragons, que são na verdade duas montanhas-russas que se cruzam em um certo momento e o assento não tem chão, então você fica com os pezinhos balançando por ali… Nós não aproveitamos tanto, pq quando fomos a azul havia parado no meio da subida! Imagina ficar uns cinco minutos parado sem chão no alto da montanha-russa… ainda bem que eu não tava lá, acho que eu ia ter um ataque de pânico (adoro o ride, mas odeio as subidas…)

Seguimos então para o fim do parque, a parte voltada para os pequenininhos, com o tema do Dr Seuss.

Nessa parte eles podiam ir em todos os brinquedos!

Nessa parte eles podiam ir em todos os brinquedos!

Essa parte é bem pros pequenos mesmo, e enquanto eles estavam curtindo os brinquedinhos, o Pedro voltou em alguns brinquedões.

Pica-pau

Pica-pau

Antes de ir embora eu vi em um dos painéis eletrônicos do parque que não havia fila nenhuma no brinquedo do homem aranha. Peguei o Zezinho e o Pedro e fomos correndo pra lá. Que aventura! Ótimo fim de parque.

Pois então, o parque estava fechando, mas ainda eram 5 ou 6 da tarde e, conforme havíamos planejado, iríamos estender o dia. Meninas pra um lado e meninos pro outro, mas isso é papo pro próximo post.


Responses

  1. Que lindo o seu blog, adorei.
    Excelentes dicas!
    Abçs

  2. achei seu blog sem querer. Mas estou adorando ele. AS dicas são ótimas. Estou indo dia 13/4 com meu marido, minha mãe e meu filho de 4 anos. por isso estou adorando as dicas de crianças. Obrigada
    Priscila

    • Que bom que vc gostou, priscila. Se tiver alguma duvida pode me mandar. E depois que vc voltar conta como foi!!!!


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: